Algumas lições sobre finanças pessoais que a escola não te ensina

PUBLICIDADE

Uma das matérias mais importantes para a vida e para alcançar o sucesso não é ensinada nas escolas. Muitas pessoas aprendem, a duras penas, como controlar as finanças pessoais. Por isso, ter um bom planejamento pode fazer a diferença entre uma vida financeira tranquila ou então passar por “perrengues” relacionados ao dinheiro.

Confira algumas dicas, dadas por especialistas em finanças, para controlar os seus gastos e passar pelo mês inteiro, com mais tranquilidade.

1 – Economize sempre

Guarde um pouco todo mês.  Se não conseguir reservar de 10% a 20% do que você ganha, comece com 5% do valor.  Pode parecer pouco, mas ao se comprometer com isso, você começará a mudar uma série de outros hábitos e pensará duas vezes antes de gastar à toa.

2 – Faça um planejamento financeiro

Com um bom planejamento você consegue acumular uma reserva financeira para qualquer necessidade e terá mais tranquilidade para enfrentar a situação. Infelizmente, tem muita gente que não tem ideia de quanto gasta por mês, mas todo mundo precisa saber planejar o estilo de vida que deseja de acordo com seus ganhos.

3 – Estude sobre juros compostos

Você precisa entender o poder dos juros sobre juros, ou juros compostos. Quando você passa a investir o seu dinheiro e recebe juros sobre juros, é como se colocasse o dinheiro para trabalhar para você.

4 – Use o cartão de crédito como um aliado

Nunca use o seu cartão de crédito como uma extensão da sua renda. Ao contrário, utilize-o para organizar todas as suas despesas na mesma data.

5 – Invista em um banco que renda em cima do CDI

Como o CDI é ligado diretamente à Selic, quando essa taxa sobe, os rendimentos dos fundos atrelados ao índice tendem a acompanhar o movimento. Tendo em vista que a previsão do Banco Central do Brasil é que a taxa continue crescendo, os economistas indicam esse tipo de investimento para aplicar o FGTS enquanto essa tendência perdurar.

6– Busque informação 

O primeiro investimento que qualquer pessoa precisa fazer é em conhecimento. Aprender mais sobre finanças pessoais e o mercado financeiro e ampliar a sua cultura geral vai ajudar não apenas nos assuntos voltados a dinheiro ou negócios, mas em todas as áreas da sua vida.
PUBLICIDADE